GPragas utiliza mesmo produto da China contra o Coronavírus

Para conter o avanço do novo Coronavírus, a GPragas está oferecendo como alternativa o serviço de sanitização de ambientes públicos e privados, que utiliza a  mesma metodologia e produtos de desinfecção usados em cidades chinesas. O príncipio ativo reduz 98,9% de agentes causadores de infecções, alergias e doenças respiratórias, a exemplo da Covid-19.

De acordo com a equipe técnica, o produto sanitizante é formulado especialmente para desinfecção de locais que têm potencialidade de contaminação pelo Coronavírus. Além dos ambientes internos, a técnica é indicada para áreas que tenham fluxo de pessoas como praças, feiras livres, calçadas de vias públicas, frentes de supermercados, farmácias e unidades de saúde, estações e pontos de ônibus, etc. A sanitização se difere da higienização e lavagem de locais públicos.

Vale destacar que a Controladora, sempre prestou o serviço de sanitização, sobretudo, em ambientes hospitalares. “Portanto, possui know-how e expertise para execução do processo de desinfecção com excelência e segurança”, garantiu o proprietário da GPragas, Gilberto Júnior.

Texto: Júlia do Monte (DRT 3355)

Prefeitura de Feira de Santana realiza desinfecção em unidades de saúde e ambientes públicos

As unidades de saúde de Feira de Santana e ambientes públicos, a exemplo de praças, estão sendo submetidas ao serviço de sanitização de ambientes, um processo de desinfecção que reduz até 98,9% de agentes causadores de infecções, alergias e doenças respiratórias. Esta é uma das medidas de enfrentamento ao coronavírus, autorizadas pelo prefeito Colbert Martins Filho. O trabalho está sendo realizado pela empresa GPragas Controladora.

Nesta segunda-feira, 6, o serviço foi realizado na Unidade de Saúde da Família Frei Luiz Alberto Lemos Rodrigues, situada no povoado Candeal II, distrito de Matinha. O prefeito Colbert Filho, que é médico por formação, observa que o trabalho de desinfecção é uma das ações mais importantes de prevenção a Covid-19.

“Este trabalho está sendo realizado na cidade há alguns dias em logradouros públicos, equipamentos municipais situados em bairros e no centro da cidade, e agora chega aos distritos. Vamos contemplar todos os distritos através deste serviço que é essencial no enfrentamento e controle desta doença”, salientou.

O profissional de química da empresa, Hamilton Ramos de Lima, observa que o serviço que está sendo realizado em Feira de Santana é semelhante ao que aconteceu na cidade de Wuhan, na China, local onde surgiram os primeiros casos do novo coronavírus no mundo. “Utilizamos o quaternário de amônio, que garante uma desinfecção eficiente contra germes, fungos e vírus”, explicou.

O proprietário da empresa, Gilberto Júnior, ressalta que as substâncias utilizadas não representam risco à saúde das pessoas. “Estamos utilizando um sanitizante formulado especialmente para desinfecção de locais que têm potencialidade de contaminação do Covid 19. Após a aplicação, as pessoas podem circular normalmente pelas áreas tratadas”.

FONTE: Secom / PMFS
Foto: ACM